Energia solar entre os famosos

Cuidar do meio ambiente e com toda a produtividade de energias renováveis é uma preocupação de muitos famosos. Dentre eles, estão Michel Teló, Isis Valverde, Aline Wirley e Igor Rickli. Os artistas adquiriram ao gerador de energia solar.

Michel Teló, cantor sertanejo, é uma das celebridades que fez questão de compartilhar em suas redes sociais a sua opção de instalação de tecnologia residencial. O projeto foi construído em São Paulo, em sua casa.

Outra famosa que não deixou de relatar a preocupação com a sustentabilidade do mundo é a Isis Valverde. Ela também mostrou em suas redes sociais toda a instalação fotovoltaica feita para colaborar com o meio ambiente. 

Os também artistas Aline Wirley e Igor Rickli estão conhecidos por compartilharem, todos os dias, os hábitos em relação à sustentabilidade por meio do Instagram, revelando também a alternativa da energia solar. A Renovigi é a fabricante que o ator e a cantora escolheram – uma das maiores fabricantes de sistemas fotovoltaicos do país, com um quantitativo de mais de 300mil painéis em instalação pelo Brasil.

De acordo com as estatísticas da Greener, a empresa de consultoria e de pesquisa especializada pelo mercado, em questão, este ramo fez a movimentação de R$7,4 bilhões no ano de 2018, correspondendo R$4 bilhões à segmentação de geração distribuída e R$3,4 bilhões no setor de parque solar de tamanho grande.

Como funciona?

Toda a energia solar atua do seguinte modo: o painel solar capta a iluminação dos raios solares e geram, então, a energia que tem o seu transporte até o aparelho inversor solar. Ele se responsabiliza pela conversão da eletricidade que teve geração pelas características da rede elétrica. Essa geração energética acontece através da ação fotovoltaica.

Ao longo do dia, o painel solar – denominado módulo fotovoltaico – capta a luz solar e gera a energia. Essa incidência direta das radiações solares é bastante relevante para que os elementos celulares fotovoltaicos façam a apresentação de eficiências melhores de conversão da radiação do sol em eletricidade. Isto porque, quanto maior a luz que se reflete diretamente ao painel, maior a quantidade de eletricidade gerada.

A razão disso é que a função dos elementos celulares fotovoltaicos que fazem a composição dos módulos apresenta extrema dependência da entrada dos fótons em suas partes internas.

O segredo disso tudo é a posição dos módulos para que tenham o recebimento de radiações do sol em maiores quantidades e diretamente, sem que as sombras interfiram.

Gostou das informações? Compartilhe conosco a sua opinião!